ProNautica Lanchas & Jet Ski
 
veja na ProNáutica

 


Chave corta-corrente

Motor de arranque

Cabo de Tow-in

Biela Hot Rods
Biela kit Pro-X


Roupa de neoprene
Jet Pilot



Luvas jet pilot



ProNáutica -
para peças e acessórios
consulte :
Tel.: (0xx48) 3232-9173
3235-2222 /
Fax: 3232-1963

ProNáutica    >   Entrevistas, reportagens & depoimentos
 Competições: Resultados | e-News - cadastre-se |
  Perfil dos Pilotos | Entrevistas | Todas as notícias


Todo o entusiasmo de Luis Fragoso em Bali

14/09/2006

O vice-presidente da IFWA International Freeride Watercraft Association, Luis Centeno Fragoso, de Lisboa/Portugal, esteve no Bali Free Ride, que aconteceu nos dias 2 e 3 de setembro de 2006. Ele contou a equipe INEMA o que achou desse grande evento.

Essa foi a primeira prova da IFWA no continente Asiático, por isso as dificuldades foram maiores, pois os competidores tiveram de transportar os seus jets para aquele local. "Com a colaboração da IFWA e a organização local, as dificuldades foram superadas", afirma. Sendo esse, o primeiro evento, havia muita expectativa e o resultado final foi muito positivo.

Fragoso explica que a IFWA de Portugal não participou do evento diretamente e que sua participação foi como vice-presidente da associação e como juiz. Para ele, o mais difícil na organização foi a parte de logística: "Mais especificamente o transporte dos jets até ao local da prova e sua reexpedição", acredita.

A ilha de Bali ofereceu uma grande recepção para todos os envolvidos com o Free Ride: "É um lugar fantástico, com um povo muito simpático e hospitaleiro. Também existe uma grande quantidade de templos e santuários que ajudam a criar um misticismo especial na ilha." Além disso, nas principais ruas de Bali havia cartazes e banners anunciando a competição.

Entre a estrutura oferecida aos participantes estava a hospedagem dos pilotos, assim como todo o apoio local na praia designada para o transporte das pessoas e jets do hotel para o local do evento. Todo o ambiente a volta da prova, e a cerimônia de abertura estavam fantásticos. "As ondas também estavam muito boas o que muito ajudou ao espetáculo."

As ondas estavam com cerca de dois metros no sábado de manhã e na tarde cresceram um pouco, tanto que alguns pilotos se lesionaram. Nas finais as ondas eram de 2,5 metros o que provocou um grande espetáculo seja em Runabout pelo James e Jimmy Visser ou no jet pelo Pierre Maxent e pelo Gil Beurnier.

A sua experiência como juiz de campeonato não foi muito difícil, pois grandes conhecedores do esporte estavam compondo o júri. "Entre eles, a lenda viva Randy Laine, que facilitou o meu trabalho", diz. A técnica e a ousadia das manobras são o que ele mais avalia numa competição.

A vontade com que os pilotos finalistas enfrentaram as grandes ondas foi o que mais chamou a atenção de Fragoso. Ele destaca o alto nível técnico dos competidores: "Os melhores do mundo, com exceção de Frederico Bufachi, estavam lá!"

O ambiente e a integração entre os participantes foi ótima: "Reinou o espírito Free Ride", define. O prazer de surfar nas ondas e saltar, bem como apreciar a técnica dos melhores pilotos é a maior gratificação para Fragoso participar desse evento. Ele finaliza lembrando que essa competição realizada em Bali, representa uma nova porta que foi aberta para o esporte.


Fonte : Inema

clique para ver a lista de todas as entrevistas

topo

 

Home | ProNáutica | Jet Waves | IFWA | Notícias | PWC News língua inglesa - english Exportation Parts | Filmes | Galeria de Fotos | Colunas do Tchello

Jets à Venda | Classificados Náuticos | Acessórios | Coletes | Tapetes | Peças | Peças usadas | Jet Pilot | Tow-in | Serviços | Contato